Para a nutrição capilar, as máscaras (de nutrição) devem conter substâncias como os óleos de rícino (já falei dele aqui), de coco, amêndoas, argan, cártamo, tutano; manteigas de karité, cacau, murumuru, cupuaçu; ceras vegetais, ceramidas, gérmen de trigo, semi di lino, geleia real...


  Para "batizar" seu creme com itens que você costuma ter em casa, pode-se usar o azeite de oliva extra virgem. Sim, o azeite que você coloca na salada rsrs
   E para quem tiver um pouco mais de paciência, esses óleos e manteigas citados acima podem facilmente ser feitos em casa também!
  Além da máscara, outra forma de nutrir os fios é com a umectação. Basta aplicar algum dos óleos acima, ou o azeite de oliva, em todo o comprimento dos cabelos, principalmente nas pontas e deixar agir por cerca de 1 hora. Depois é só lavar utilizando apenas o condicionador para ajudar a retirar o óleo.

  Como saber se preciso de nutrição capilar?
  • Seus cabelos estão com muito frizz (já dei uma dica aqui para evitá-los), desalinhados e porosos;
  • Ao esticar um fio de cabelo, primeiramente ele se mostra forte, mas logo parece estar sem elasticidade e se quebra com facilidade


Deixe um comentário